Call of Duty: TOP 10 mais bem sucedidos games de todos os tempos!


por Call of Duty Brasil

Todos os anos por volta de novembro milhões de jogadores de todo o mundo ficam ansiosos para mais um jogo da franquia: Call of Duty. Desde seu humilde início como uma série que retrava os acontecimentos da Segunda Guerra Mundial, a franquia tem visto muitas evoluções. A cada interação da série, parece que as vendas continuam a subir rapidamente. Esta lista classifica os dez maiores títulos de Call of Duty em termos de unidades vendidas. (excluindo títulos exclusivos para portáteis, bem como Call of Duty: Finest Hour, Call of Duty 2: Big Red One, e Call of Duty: World at WarFinal fronts).

10. Call of Duty — 4.5 milhões de unidades vendidas

cod1banner

Aqui foi onde tudo começou. Desenvolvido pela Infinity Ward, o Call of Duty original alterou a paisagem dos jogos FPS de guerra. Uma das muitas inovações da Infinity Ward que pode contribuir para outros jogos através de Call of Duty, foi a IA em torno do jogador, que se mostra efetiva realmente contra os inimigos. Até então, era raro ver um grupo de IA ajudar o jogador, e isto acabou por definir uma tendência que ainda é seguida até hoje. As tropas soviéticas e britânicas também tem sua história contada no jogo devido à campanha, que é divida em três fases bastante criativas. Os jogadores não controlam apenas um soldado, mas três (um da América, um da Rússia e um da Grã-Bretanha). Até novembro de 2013, Call of Duty vendeu 4,5 milhões de unidades.

9. Call of Duty 2 — 5.9 milhões de unidades vendidas

cod2banner

Lançado dois anos após o Call of Duty original, o segundo game da série melhorou muitos aspectos de sua jogabilidade. Uma característica bastante elogiada, é a barra de saúde auto-regenerativa, que se mantém fixa na série até os dias atuais. Mantendo uma campanha variada, com quatro protagonistas jogáveis, Call of Duty 2 é um pouco mais cinematográfico do que seu antecessor. Suas cut-scenes foram elogiadas na época como sendo “de tirar o fôlego”. No multiplayer, Infinity Ward decidiu dar algum poder extra para os jogadores. Eles lançaram o não muito popular: Call of Duty Radiant em 2006, o que permitiu ao jogador criar seus próprios mapas multiplayer e single player. As vendas foram agraciadas com a mão amiga da Microsoft, que lançou o game como sendo título de lançamento para o Xbox 360 em países da Europa, Ásia e América do Sul.

8. Call of Duty 3 — 7.2 milhões de unidades vendidas

cod3banner

Com os dois primeiros shooters de ação ganhando popularidade rapidamente, a terceira parcela da série Call of Duty continuou a entregar mais novidades para à fórmula já bem sucedida. A campanha desta vez girou em torno de quatro personagens diferentes de vários países. Com Call of Duty até então sendo conhecido por suas campanhas incríveis pela primeira série de seus jogos, em Call of Duty 3, o componente Multiplayer começa a ganhar mais atenção e se tornar competitivo para os jogadores. Em adição as partidas de 24 (max) jogadores no PS3 e Xbox 360, o terceiro capítulo da série também acrescentou dois modos de jogo. Call of Duty 3 ganhou muitos prêmios, incluindo uma conquista notável para Sound Design Award em 2007.

7. Call of Duty 4: Modern Warfare — 15.7 milhões de unidades vendidas

mw1-modern-warfare-1-cod4-call-of-duty-4

Este é o lugar onde a série Call of Duty realmente invadiu o mainstream. Infinity Ward modificou o jogo de tal forma que foi capaz de arrebanhar jogadores no mundo todo. Modern Warfare é o primeiro jogo da série Call of Duty a ser ajustada em tempos modernos. Além de uma campanha premiada, Modern Warfare introduziu características singulares para o gênero multiplayer que dura até hoje, como, por exemplo, os Kill Streaks. Os jogadores agora tinha a opção de ganhar até três Kill Streaks, concedidos quando o jogador atinge o número necessário de mortes consecutivas. Ganhando altas notas de sites especializados e uma série de prêmios, Modern Warfare é amplamente considerado como o melhor jogo da série Call of Duty. Sua popularidade definitivamente brilha. Modern Warfare já vendeu 15,7 milhões de cópias no mundo todo.

6. Call of Duty: World at War — 15.7 milhões de unidades vendidas

waw-world-at-war-cod-5-call-of-duty-5

Com Call of Duty retornando agora para guerra fria, e sendo desenvolvido pela Treyarch, o jogo de acompanhamento para Modern Warfare 2007 transporta o jogador de volta para as trincheiras da Primeira Guerra Mundial. Enquanto o jogo pode não ter recebido os elogios de seus antecessores, World at War fez acender um modo de jogo que tem estado presente em todos os Call of Duty do estúdio da Treyarch. O modo maciçamente popular “Zombie” coloca um grupo de jogadores contra ondas e mais ondas de zumbis nazistas. Com uma grande mistura de trabalho em equipe e com uma vertente no gênero de terror, muitas pessoas consideram o modo de “Zombie” como sendo a melhor parte do jogo. O game da Treyarch, na verdade, fica no empate com o seu antecessor, Modern Warfare, com 15,7 milhões de unidades vendidas em todo o mundo.

5. Call of Duty: Modern Warfare 2 — 22.7 milhões de unidades vendidas

mw2-modern-warfare-2-cod-call-of-duty

Com um hit massivo em suas mãos sob a fórmula do original Modern Warfare, Infinity Ward decidiu criar uma sequência direta de seu jogo responsável por definir o gênero em 2007. Muitos aspectos do game foram otimizados e renovados, mantendo-se ainda familiar, apenas diferente o suficiente para satisfazer a maioria dos jogadores. Entre as alterações para o jogo, a equipe criativa adicionou 12 Kill Streaks, (contra 3 do original) um Modo Cooperativo: “Spec Ops” e Host Migration (se um jogador que hospeda um jogo tem uma conexão ruim, o jogo irá encontrar a conexão mais oportuna no lobby e torná-la host). Modern Warfare 2 faturou vários prêmios, incluindo o de Best Shooter e Best Multiplayer Awards pelo Spike Video Game Awards. Modern Warfare 2 continua sendo um dos melhores trabalhos da série.

4. Call of Duty: Ghosts — 23.8 milhões de unidades vendidas

ghosts-cod-call-of-duty

Um dos primeiros jogos da série Call of Duty a não causar o impacto esperado na comunidade gamer, Ghosts recebeu um mix de críticas boas e ruins por mídias especializadas e jogadores. Após o tremendo sucesso de Black Ops: II, Ghosts teve uma difícil tarefa a cumprir. Infinity Ward tentou agarrar a atenção dos jogadores, com uma quantidade cada vez maior de Kill Streaks, bem como um novo modo de jogo chamado “Extinction“. A quantidade de personalização disponível para o jogador também foi uma novidade. Ghosts ainda introduziu a opção de jogar como um soldado do sexo feminino. Embora a venda de 23,8 milhões de unidades tenha sido expressiva, muitos sentem que este é o primeiro Call of Duty que pode ter dado um passo para trás em vez de avançar.

3. Call of Duty: Black Ops 2 — 24.2 milhões de unidades vendidas

bo2-black-ops-2-cod-call-of-duty

Mudando o foco de eventos exclusivamente modernos e históricos, Black Ops II é o primeiro jogo da série Call of Duty ao dar um salto para o futuro. Com alguns dos eventos do jogo tendo lugar no futuro, Treyarch fez uma aposta … e ganhou. Este Call of Duty soa bem diferente dos outros. Este sentimento é reconhecido por muitos críticos, todos apontando para duas grandes mudanças. Em primeiro lugar, a campanha é apresentada de uma forma não-linear. Certas escolhas e ações que o jogador assume durante o jogo afetam missões que podem ser desbloqueadas. O jogo ainda possui múltiplos finais com base nestas decisões. Seguindo os passos de Modern Warfare 3, os Kill Streaks foram trocados por Score Streaks. Não são apenas baixas que recompensam o jogador com acessórios e perks, mas também capturando bandeiras, e dominando territórios. Black Ops II continua muito popular até hoje.

2. Call of Duty: Black Ops — 26.2 milhões de unidades vendidas

bo1-black-ops-cod-call-of-duty

Nos anos 1960 houve um grande número de ações militares controversas nos EUA.  Tornando-se assim, um cenário perfeito para um jogo Call of Duty. Black Ops absolutamente explodiu em vendas, quebrando rapidamente vários recordes já no dia de seu lançamento. Em termos de jogabilidade, o aspecto multiplayer manteve o conceito de Kill Streaks. Porém, desta vez o jogador tinha mais Kill Streaks para escolher. A personalização foi um conceito bastante explorado no Multiplayer de Black Ops, permitindo que o jogador crie seus próprios emblemas para colocar em suas armas. Uma vasta gama de acessórios estão disponíveis também para comprar com “COD Points“, que são pontos obtidos ao ganhar jogos e completando desafios. O Modo “Zombies” também fez um retorno memorável, e sem dúvida tornou-se o aspecto mais popular de Black Ops.

1. Call of Duty: Modern Warfare 3 — 26.5 milhões de unidades vendidas

mw3-modern-warfare-3-cod-call-of-duty

Em termos de vendas, tudo veio junto para conclusão do capítulo final da trilogia Modern Warfare. Infinity Ward deu alguns toques na sua testada e verdadeira fórmula apenas o suficiente para satisfazer a comunidade em geral de gamers. Como nos títulos anteriores, Modern Warfare 3 incluiu um modo cooperativo intitulado “Survival” (de natureza semelhante ao modo “Zombie“). Os jogadores têm de trabalhar juntos para sobreviver ondas e mais ondas de inimigos. As recompensas são abundantes para os jogadores na forma de Score Streaks. Com Score Streaks, os jogadores são recompensados por outro tipo de ações, e não apenas por matar seus oponentes. Embora tenha recebido notas baixas se comparado a maioria dos títulos anteriores, Modern Warfare 3 ainda está no topo da montanha em termos de vendas. Pode Advanced Warfare bater este “Juggernaut”? Só o tempo dirá…

Até o momento o número de vendas de Advanced Warfare ainda não foi revelado.

 

Deixe um comentário =)

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.